quinta-feira, 8 de junho de 2017

FALANDO DE SHOWS: GET UP! TOUR 2017 - BRYAN ADAMS EM SP, EU FUI!!!


MINHA HISTÓRIA COM BRYAN ADAMS É LOOOOONGA... Não vale dizer que o ouço desde que me conheço por gente, porque isso é óbvio, só de carreira ele tem mais tempo que minha idade!
Quero dizer, cresci habituada a ouvir sons internacionais com meus pais, ambos, fãs de tanta gente que não caberia aqui...

Em 1992, meu pai alugou o filme “ Robin Hood – O Príncipe dos Ladrões “, e lembro da cozinha cheeeeia, todos assistindo o filme que marcaria a despedida de meu pai na Terra... “ Everything I Do – I Do It For You “, pra mim, ficou a cara dele, entre tantas e tantas músicas de tanta gente: A-Ha, Phil Collins, Johnny Rivers, Elvis, R.E.M, laralirará de tanta gente!



Sempre amei as músicas desse cara, sempre fui uma meleca, tenho todos os CD’s dos grandes artistas que tocavam no “ Love Songs “ da antiga rádio Cidade! Eu gostava de ouvir o “ Amor Sem Fim “ também, e alguns CD’s comprei, tipo Air Supply, porque minha mãe me passou os nomes, rsrs... QUE ORGULHO DE MEUS PAIS!!!

A trilha sonora de “ Don Juan De Marco “ sempre foi um enjôo pra mim – tocou no show, mas nunca gostei mesmo, minha verdadeira paixão entre os songs dele é “ Please Forgive Me “, e quaaaaaando tocava nas rádios...



A minha irmã Mileide começou a namorar com o Márcio, e ele tinha o CD do BA que tem “ Everything “, além de outras liiiiindas, e eu lembro que eu pegava o “ sonzinho “ da minha mãe, colocava o CD, o fone, e me acabava, viajaaaaava de verdade nas fotos em preto e branco dele, tipo, “ que homem fascinante, que olhos “, kkkkkkkkkkkkk, e jamais cotava a idéia de um dia olhar dos meus olhos direto pra cara dele, sem folhas, sem lentes, sem vidros, sem nenhuma ponte!!!



Eu colocava meu “ So Far So Good “ no som pra limpar a casa, e meu irmão uma vez levantou puto da cama: “ eu odeio a voz desse cara “, tipo, eu amo, e aumentaaaaaava o volume, kkkkk!!! Esse CD eu comprei depois de pegar emprestado do marido de uma amiga, na época em que trabalhávamos juntas, em meados de 2001, e ele era fanzão do BA, aí tomei vergonha na cara e comprei o meu!




Na época do Unplugged MTV, a Luciana, amiga da Mileide comprou o CD, e eu pedia pra ela pegar emprestado, pra ouvir a versão mais calminha de “ Heaven “, além de “ Back To You “ que tocou no show e gravei, IMPERDÍVEL!!!






Eu sempre ouvi dele muito mais os sons românticos, as melodias, do que o rock n’ roll que ele sempre fez, e passei a ouvir meu “ So Far “ inteiro semanas antes do show, pra me familiarizar, e é uma compilação excelente... Que tem neste CD, eles só não tocaram “ Run To You “, mas no resto a gente se acabou...




O engraçado é que sempre fiquei de olho nos DVD’s dele ao vivo, mas tinha medo de ao vivo não ser tão bom... Rsrs, ahhhh, se eu soubesse, é que naquela época eu não usava o YouTube, que já deveria existir!




Teve um ano que ele veio pro Brasil, se não me engano em 2007, e foi na época de Aerosmith e Evanescence, e deixei o BA de lado, pra uma próxima, e essa próxima demorou demais, até que...
Nas minhas férias, em Niterói, estava eu na pousada Itacoatiara Inn Cama e Café, deitada na rede de bambu, escrevendo e batendo papo com o proprietário da mesma, e ao fundo tocava os sons românticos da rádio JB do Rio, e amei a rádio – muito foda, e de repente o locutor anunciava o show do Bryan Adams no Metropolitan em Abril de 2017 – “ ESSE EU NÃO VOU PERDER “, e voltei pra SP com a agenda anotada!




Acho que próximo ao final de fevereiro, eu nem pensava em me mudar de casa, mas entre o pensar e realmente me mudar foi só uma semana, estava eu no Citibank Hall comprando meu ingresso e saindo sonhando com o show... ATÉ QUE ENFIM, CARALHO!
De lá até o final de abril, aconteceu tudo de ruim que alguém possa imaginar, rsrs... Hoje eu estava até comentando com a “ mulher da tapioca “ que a parte sentimental é a única que está boa, não quero MESMO saber de ninguém, e ela começou a rir, porque o resto estava tudo cagado...




Com isso, chegou a semana do show e eu chorava desesperada pra resolver outras coisas, estava cagando pra qualquer show que fosse... Mas, eu sabia pelas experiências passadas, que o show ia conseguir devolver um pedacinho de mim, pra mim... Comecei a acompanhar o site dele, Instagram, a chegada no Brasil, enfim, e isso vai batendo a inevitável ansiedade!
O grande dia chegou, 28 de Abril de 2017 – O Brasil parou por conta da reforma da Previdência e de toda patifaria de um Governo que desconhecemos existir por essas paragens, e eu por fora fui pro Terminal João Dias pegar um buzão só pra atravessar a ponte pro Citibank, e quem disse que tinha viva alma no terminal??? Um frio do caralho, aí o fiscal me passou que as lotações lá fora faziam o trecho normalmente, e pedi pro motorista me deixar no final da ponte, ele foi super 10!




Chegando lá, o povo “ gourmet “ saindo de seus carros, e eu no meu par de tênis roxo, jeans e Lacuna Coil, me senti tão simples, não senti necessidade de segurar minha Coco Chanel, por isso não a levei, kkkkkkkkkkkk! O que era as blusinhas do merchan??? Morri porque estava sem money pra comprar, meu HD tinha fritado, e tive que pagar outro sem poder... Fui subindo as escadas, e pela primeira vez estava pronta pra assistir a um show sentadinha e comportada... Ti contá!
Fiz amizade com uma senhora e amiga e trocamos tantas figurinhas sobre shows que as horas passaram fácil, os olhos do Bryan no telão se mexiam pra todo lado, quando ele não mostrava a língua, e isso foi A IDÉIA, adorei!





Eu não sei se não me acostumei com minhas pilhas e carregador novo, mas ainda tirando fotos apenas do palco, sem começar o show, as pilhas que estavam carregadas dentro de 12 horas, estavam descarregando, assim acusava a câmera, e eu fiquei desesperada, querendo gravar meus sons preferidos, além de tirar fotos, e a porra resolve me foder!
Os caras entraram sem grande cerimônia, MAS O SHOW FOI UM ESPETÁCULO DE ROCK N’ ROLL! Tinha momentos que eu parava, sem tirar foto nem nada, olhando e chocada com a qualidade de cada instrumento tocado, além do Bryan ter um pique invejável – eu que já vi tanta gente diferente nos palcos, foi a primeira vez que vi O VOCALISTA sem beber uma gota d’água, e não pára de tocar, e cantar, e é o tempo inteiro falando com a gente, brincando, tirando fotos como o bom fotógrafo que é, tranqueira de tudo, mandou o povo sair da cadeiras e ir pra perto dele, palhaço o tempo inteiro, foi divino!!!
Foram 28 músicas – MEU, COMO ASSIM ESSA BANDA EXCELENTE DELE ? - ,das baladas tocaram todas as que vocês provavelmente conhecem, do rock n’ roll, o CD Get Up, da turnê, tem muuuuuuuuuuuuita coisa boa, mal posso esperar o DVD sair!!! (Fiquei sabendo que estão gravando, DEUS QUEIRA, PAI!!!)
Se tinha alguém morto nas primeiras músicas, se é que conseguiram morrer – bom, tinha uma vaca na cadeira em baixo da minha vendo o Instagram enquanto o BRYAN ADAMS estava no palco... Tipinho de gente que paga pra dizer que foi, a luz do celular da vaca incomodava no escuro, a vontade era de arremessar aquela porra lá na marginal... Bom, se tinha alguém morto no começo do show, quando tocou “ Heaven “ até os seguranças olhavam com aquela cara “ não, péra, essa eu conheço, é isso que esse cara toca? “, rsrs... Aff, que bateria!!!
A GRANDE E MARAVILHOSA SURPRESA DA NOITE = “ DO I HAVE TO SAY THE WORDS? “, surpresa porque não estava no set list, e aaaaaaaaaaaaaaaaammmmmooooooooo essa música! Rsrs, o foda é que ele foi apresentar dizendo que era uma bela canção, como ele dizia das românticas, e começou o conhecidíssimo toque, e eu fiquei tão chocada quanto perdida, depois é que fui gravar, e depois do primeiro refrão, morrendo de chorar, É IRRESISTÍVEL A REALIZAÇÃO DE UM SONHO!!! ( Nos vídeos vocês ouvem mais a minha voz do que a dele, rsrs...) Parece que ele ama mesmo tocar este som, no meu vídeo vocês podem reparar que ele mal toca na guitarra, e foi a única que ele se deu ao luxo disso! Fato é que ele se derrama, alma, mente e coração no microfone, se dá inteiro, grita meeeeeeeeeeeeeeeeesmo, até quando não está cantando fica gastando aquela voz rouca – e ele está uma delícia, só pra constar, quanto mais velho, melhor! É impossível receber a informação de que o cara é do signo de Escorpião e não imaginá-lo transando... É do instinto, sorry...
( FIQUEI CHOCADA COM A QUALIDADE DE SOM QUE MINHA CÂMERA GRAVA !!! )
Ele aprendeu a frase “ rebolando a bunda “, pra quê? Tem um som do CD novo que fala disso em inglês e ele perguntou pro povo como dizia em português... Na hora do refrão dessa música, ele gritou com sotaque: “ REBOLANDO A BUNDA “, e ele e os caras da banda viraram as costas pra gente e ficaram rebolando a bunda, kkkkkkkkkkk, nem gosto quando a zuêra não tem fim assim, rsrs...
Quando começou “ Everything I Do “, eu senti o peito sufocar, o nó parou na garganta, e o coração parecia que ia estourar no peito tamanho impacto que AO VIVO uma música pode causar numa criatura... Deveriam fazer shows em UTI... Ou mata de vez, ou a pessoa volta a viver de vez, mas alguma coisa sacode... Eles não tocaram inteira no NOSSO show, mas estão tocando ela inteira durante a turnê...
O cuzão do segurança, sendo super competente e exercendo seu FREE LA com maestria, me disse que era pra baixar minha câmera que o povinho atrás queria ver o show... Se um imbecil desse tenta pronunciar tal imbecilidade dessa num estádio com 70.000 pessoas, ALGUÉM OUVIRIA??? Pois é, eu tive que ouvir porque ele conseguiu enfiar o cabeção bem na minha frente, e eu “ tá bom, tá bom “, com a câmera teimosamente no mesmo nível, e foda-se o povo lá trás!!! Meu, em estádio são corpos na nossa frente, caixas d’água e cervejas, bexigas, camisinhas, enfim... Maluco, vai ser segurança de SHOW, não de teatro!
“ Please Forgive Me “ eles não tocaram inteira, quero dizer, a parte destruidora entre os gritos dele e a guitarra, e isso fez falta, mas não foi surpresa, eu já sabia, senão eu teria morrido no show – pra mim é a melhor parte da música!
De onde a gente estava, conseguia ver tranquilo a cara de cada um e o bom de comprar um ingresso para o Citibank é saber que qualquer lugar em que você esteja, vai assistir o show numa boa... Eu vi isso pelo da Paulinha na gravação do DVD ano passado...
Mas o que foi este homem tocando “ Straight From The Heart “, tocando violão e gaita AO MESMO TEMPO??? Que coisa mais gostosa, vontade de subir no palco e fazer tanta besteira... Adoro homem competente, e quando o cara tem uma lista de competências, ui... E canta – tô vendo o vídeo que gravei – como se tivesse acabado de gravar a música em estúdio, e ela é mais velha que eu!!!
No final triunfal, somente ele no palco, somente com sua voz rouca e seu violão, cantou uma linda canção de amor, olhou pra nós e disse num português bem cachorro: “ BEIJINHOOOOOOOOSSSSSS “, e foi-se embora... Embora pro hotel, tinha mais o sábado e o domingo em SP...
Saí do lugar fascinada, acordada, feliz como há muito eu não me via, satisfeita com o dinheiro bem gasto, com a expectativa preenchida, com a riqueza de todos os fatores envolvidos!
Conheci um casal do Morumbi em busca de táxi, gente como eu que não confia em Uber, e achamos um cara que passava na marginal sem fazer idéia do que estava acontecendo, no fim, o preço foi pequeno tanto pra eles quanto pra mim, além do menino ter sido super gente boa, com “ medo da famosa perigosa zona sul “, mas levou a gente em nossos lares... Concordo com o namorado da mina, a banda do BA dá de 10 à 0 no Bon Jovi, em termos de qualidade e pique de som, está beeeeeeeeeeeem à frente, fazendo um comparativo com o mesmo estilo!
O Bryan dorme no formol, além de gato,um pique invejável, um corpo e saúde perfeitos, a garganta do capeta que não falha uma só palavra, o carisma, e fascínio que ele causa no palco... Tudo isso faz parte de um grande artista, não é à toa que vendeu mais de 100 milhões de discos no mundo, e ganhou espaço na Calçada da Fama! Além de excelente fotógrafo, e outras coisas que ele muito provavelmente deve fazer muito bem, mas que a mídia não pode expressar, rsrs...
Não sei se terá um próximo, os caras estão ficando velhos, e eu também, mas se tiver, tô dentro sem dúvida!
FOI UMA EXPERIÊNCIA ÚNICA E INESQUECÍVEL, COMO TODAS DEVERIAM SER!

25.05.2017 – Amanhã estou voando pra Alagoas, mas não quero pensar em avião não...


BÔNUS:

28.04.2017 - Faltam 10 horas para o show, e começou a bater a adrenalina da ansiedade... PORRA, TÔ ANSIOOOOOOSA CARALHOOOOO!!!

29.04.2017 – Sabe quando o sonho é bom e você não quer acordar??? Eu não quero dormir, rsrs! São 03:20hs, faz mais de duas horas que cheguei em casa, e ainda estou tonta...

Nenhum comentário:

Postar um comentário