sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

ANTES DO LACUNA COIL,MAIS UMA VEZ!

Show do Lacuna Coil em SP, dia 19 de junho de 2010!Perfeito!!!
Cristina Scabbia dando um showzaço no palco!
Show do Lacuna Coil em SP, com Hatebreed e Lamb Of God, 31 de março de 2012! Show do caralho!
Agora tem mais um!!! 02 de março desse ano! Que seja o melhor!





LUZ INSPIRADORA!

A madrugada de sábado fazia uma noite torturantemente linda...
Essa daí é a princesa Lua ,e é uma pena que minha máquina não tenha podido registrá-la com precisão!
Nuvens lindas ao seu redor ,além do véu de estrelas...
Um céu verdadeiramente inspirador ,para grandes romances...
Por um momento eu parei e fiquei deslumbrada com a beleza e pureza da natureza... O vento convidativo ,um silêncio no ar... Tudo aquilo me envolveu e extasiou!
Pensei: Será que nesse momento existem casais compartilhando essa doce imagem? Será que ainda olham pro céu ,contam estrelas ,fazem promessa, e desabafam sentimentos, à luz do luar, como se fez já um dia por aqui?
Pra mim, não precisava de muita coisa... Só uma laje véia, e o céu todo disponível para os meus olhos...
Talvez alguém pra compartilhar comigo a doce melodia da noite... Pra conversar e trocar experiências, sorrindo com besteiras... Alguém pra trocar carícias, e falar comigo em silêncio...
Deve ser tão lindo viver um romance...
Daqueles que não nos deixa dormir, sonhando acordados...
Que nos faz acordar sorrindo, mesmo sabendo que está chovendo lá fora, o trânsito está parado e possivelmente nos atrasaremos no serviço...
Aquele olhar que é pra você, aquele sorriso que agradece sua companhia, e aquele sentimento de estar vivendo um tipo de coisa única...
E de repente uma necessidade de espalhar pra todo mundo que a felicidade existe, que viver é maravilhoso, e que não percam a esperança...
Tudo isso parece muito bonito pra quem lê, mas a gente não costuma acreditar que essas coisas acontecem...
Ou então, pode até acontecer, com todo mundo, "menos comigo"!
E tem ainda, aqueles que não fazem muita questão de que isso aconteça, estão se lixando de verdade...
Mas, se pararmos para pensar honestamente no porquê de existirmos, a única explicação que temos é por Amor!
Amor à famíia, ao amigos, às plantas, aos animais, à alguém em especial, porque... A profissão, levamos o conhecimento, mas o dinheiro fica... A casa, temos o conforto e aconchego quando estamos aqui, mas não podemos levá-la conosco, por mais cara que tiver sido, ou por mais que nos seja o único lar que nos abrigou na Terra... Enquanto que as pessoas e momentos bons que vivemos com elas ficam dentro de nós, por toda a eternidade, e ninguém pode nos tirar esse luxo!
O Amor só pode fazer o bem, só pode fazer grandes obras... Nos inspira a sermos melhores, a ter gratidão, solidariedade... Nos liberta a mente da mesquinheza e limitação, impregnadas na sociedade atual!
Nos aquece o peito e nos conforta, nos alimenta a alma, e a fortalece!
Há quem fuja dele, e quem corre ao seu encontro...
Há quem tem medo dele, e os que tem coragem de vivê-lo...
Há os que acham que se machucaram com ele, e há ainda os que se curaram com ele...
Há os que não acreditam nele, enquanto outros, conseguem vivê-lo em sua total plenitude!
Engraçado que desde criança, eu nunca tive o sonho de casar e ter filhos...
Talvez porque cresci em meio à vidas assim que não eram lá tão boas, e pareciam mais pesadelo do que sonho...
Mas, sempre desejei viver o amor... Nada de "príncipe encantado", coisas impossíveis...
Mas um amor sincero, uma coisa real! Coisa que nunca presenciei ao vivo, pelo menos não me lembro...
Pois é, e de onde tirei a idéia de que ele existe?
Será que não vivi uma coisa assim?
Lá trás, em tempos que não me é permitido lembrar agora...
Uma sensação convicta de que... De como se tivesse sido recente, entende? Quando falo de amor, parece ser uma lembrança terna que guardo dentro de mim, e que quando dou vasão, ele expande... Dá pra entender isso?
É como se o que eu possivelmente vivi lá trás fosse presente no meu peito, como se não tivesse ficado pra trás com todas as lembranças, com toda a experiência... Por isso, dá pra acreditar que o que vivemos com Amor, carregamos em nós, por toda eternidade!
E talvez, não me seja permitido hoje viver novamente, ou continuar "de onde parou"... Não sei o que fiz, não me lembro... Mas a vida não acha que mereço viver esse amor agora, senão já teria acontecido, certo?
Era só um amor pra recordar, um retrato pra levar comigo em meu coração...
Esperei por isso por toda minha vida, e quando penso que consegui destruir o sonho, estou destruindo a mim...
E é nisso que está a tal resignação não é? Desejar com todas as forças, e nunca ter... Pra recuperar o que fiz de errado no passado... Já que não posso viver o amor, será que posso ao menos saber o porquê?
Agora cai uma chuvinha tranquiiiiila... Como a chova me toca!